Como recarregar energias no Verão

Como recarregar energias no Verão

Como recarregar energias no Verão. Cerca de 41% da força de trabalho está a ponderar fazer uma grande mudança de carreira no próximo ano, é um dos aspetos destacados no último estudo da Microsoft sobre as tendências de trabalho – Work Trend Index Report – o qual reúne insights de 30 mil trabalhadores em todo o mundo. 

O stress resultante do contexto pandémico, sentimentos de isolamento e solidão, a par da dificuldade em gerir o trabalho com a gestão familiar – cuidados com a família e dinâmicas escolares – foi considerado por muitas pessoas como um verdadeiro desafio nos últimos 18 meses. A isto, acresceu a sensação de excesso de trabalho, referida por mais de metade dos colaboradores (54%), para o qual contribuiu o aumento drástico no número de reuniões, emails e solicitações, desde que o modelo de trabalho remoto e híbrido se tornou a norma. 

A ameaça de burnout torna-se real, apesar dos colaboradores desejarem modelos de trabalho híbridos. As férias de Verão convidam a abrandar o ritmo, constituindo uma ótima oportunidade para que os gestores possam refletir sobre como podem ajudar os seus colaboradores a recarregar energias e alcançar um maior work-life balance. Neste âmbito, a Microsoft partilha com os líderes nacionais algumas dicas úteis que podem começar a implementar já.

5 dicas que os líderes podem fazer este Verão para ajudar os seus colaboradores:

  1. Encorajar ativamente os colaboradores a tirarem tempo para si, começando já por aproveitar em pleno o seu período de férias para desligar verdadeiramente do trabalho. Os colaboradores devem, assim, organizar previamente as suas agendas e comunicar que estarão offline, reduzindo assim a margem para possíveis solicitações durante as férias e recarregar energias. Mas o mais importante, devem manter-se empenhados em desligar, respeitando o compromisso a que se propuseram e que deve também ser respeitado pelos colegas e organização. 
  1. Usar as férias para refletir sobre o estilo de liderança. Os líderes que dão prioridade ao modo como os seus colaboradores se sentem, de forma alinhada com o quão produtivos são, estarão melhor posicionados à medida que entramos cada vez mais num mundo de trabalho híbrido. A mudança para uma liderança mais empática terá um impacto positivo em toda a organização. Assim, os líderes podem iniciar esta mudança com ações simples e concretas, tais como iniciar uma conversa perguntando às pessoas como estão ou, melhor ainda, o que estão a fazer para manter o equilíbrio nas suas vidas. A escuta ativa é essencial e uma abordagem flexível é mais importante do que nunca. Capacitar as pessoas a abordar o dia de trabalho de uma forma não linear – dedicar tempo a cuidados familiares e infantis, passear os animais de estimação ou fazer exercício físico – são apenas alguns exemplos que podem ajudar as pessoas a recuperar a sensação de equilíbrio. 
  1. Apostar na formação dos colaboradores. Se o Verão for um período mais lento para determinada indústria/setor, os líderes têm aqui uma excelente oportunidade para encorajar as suas equipas de trabalho a tirar o máximo partido dos conteúdos de aprendizagem e desenvolvimento. Devem, por isso, procurar informar as suas equipas sobre as sessões que consideram valiosas, particularmente aquelas que promovem o desenvolvimento de competências que ajudam a proteger e a manter a saúde e bem-estar mental dos seus colaboradores. Há alguns conteúdos valiosos no Linkedin Learning, incluindo sessões sobre construção de resiliência.
  1. Capacitar os colaboradores com tecnologia. Ferramentas como o Microsoft 365 e o Microsoft Viva ajudam os colaboradores a manterem-se conectados e oferecem insights, orientados por dados, que os ajudam a desligar e a concentrarem-se na sua saúde, bem-estar e prioridades pessoais. Com os dias mais longos durante os meses de Verão, importa recordar os colaboradores de como podem tirar partido de ferramentas como estas. 
  1. Seja transparente na transição de regresso ao escritório. Nenhuma empresa tem todas as respostas certas no que respeita à criação de um ambiente de trabalho híbrido ideal. Mas é fundamental que os líderes assegurem que os colaboradores estão informados sobre as decisões que estão a ser tomadas pela organização e pelas equipas de trabalho, sinalizando, acima de tudo, a forma como a empresa está a ouvir as necessidades dos colaboradores. Comunicações abertas e transparentes contribuirão, decididamente, para a satisfação das preocupações dos colaboradores.

De acordo com Paula Fernandes, Diretora de Colaboração e Produtividade na Microsoft Portugal, “é preciso agir intencionalmente no autocuidado e no planeamento de tempos de descanso, criando condições para que as pessoas possam estar mais equilibradas, energizar-se e conseguirem dedicar-se à  sua esfera familiar e pessoal, ao mesmo tempo que se criam condições para que no regresso das férias possam desempenhar as suas funções em pleno, de forma produtiva e com satisfação num modelo de trabalho híbrido.”

Gostou do artigo? Goste e partilhe!

Como recarregar energias no Verão

bookmark_border

mais em Lifestyle

Jaeger-LeCoultre em parceria com a famosa Casa Fagliano

a redireccionar em 10 segundos