Fundação EDP e Serralves num projeto internacional

Fundação EDP e Serralves num projeto internacional

Fundação EDP e Serralves num projeto internacional. A Fundação EDP e a Fundação de Serralves assinaram um memorando de entendimento com o objetivo de estabelecerem uma parceria de longo prazo para o Campus Cultural da Fundação EDP em Lisboa, incluindo o Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia (MAAT) e a Central Tejo.

A Fundação EDP e a Fundação de Serralves estão convictas da importância para o país desta parceria, que vai abrir novos horizontes ao conhecimento, estudo, desenvolvimento e divulgação da arte contemporânea e da ciência dentro e fora de fronteiras e vai reforçar os pólos culturais de Lisboa e do Porto de ambas as Fundações.

A parceria será concretizada na gestão e programação, por parte de Serralves, do Campus Cultural da Fundação EDP em Lisboa, juntando o MAAT e a Central Tejo ao Museu de Arte Contemporânea, à Casa e Parque de Serralves e à Casa do Cinema Manoel de Oliveira.

A cultura continuará a ser um dos pilares de intervenção da Fundação EDP na comunidade, através da propriedade e apoio de mecenato ao Campus Cultural em Lisboa, ao qual se manterá igualmente vinculada, bem como do mecenato cultural a outras instituições e com a continuidade do Prémio Novos Artistas e do Grande Prémio Arte Fundação EDP, referências no panorama artístico português. 

A instituição manterá também, de forma cada vez mais ativa e ambiciosa, o seu papel na Inovação Social, com vista a uma transição energética que deve ser justa e inclusiva, focada no combate à pobreza energética e à iliteracia neste domínio.

Para a Fundação de Serralves esta parceria representará um marco no seu historial de divulgação da cultura contemporânea nas suas múltiplas expressões, potenciando também a sua ação ao nível da promoção do conhecimento e da ciência. Com esta presença física em Lisboa, a Fundação de Serralves consolidará a sua relevância nacional, e reforçará a sua afirmação internacional. 

A Fundação de Serralves promove atividades culturais nas múltiplas vertentes da arte contemporânea e expressões artísticas, sendo uma instituição cultural de âmbito internacional ao serviço da comunidade e tendo como missão estimular o pensamento, o interesse e o conhecimento de públicos de diferentes origens e idades pela Arte Contemporânea, pela Arquitetura, pelo Cinema, pela Paisagem, pelo Ambiente e por temas críticos para a sociedade e seu futuro, fazendo-o de forma integrada com base num conjunto patrimonial de exceção, classificado como Monumento Nacional, no qual se destacam o Museu de Arte Contemporânea, a Casa de Serralves, o Parque de Serralves e a Casa do Cinema Manoel de Oliveira. 

Fruto de uma programação criteriosa e de grande qualidade, a Fundação de Serralves tem vindo a registar significativos níveis de afluência de visitantes, nacionais e estrangeiros, desempenhando um papel da da maior relevância na vida cultural do país, com forte impacto socioeconómico.

A Fundação EDP tem como objetivos promover o bem-estar da sociedade através do investimento em inovação social, com o apoio a projetos sociais, culturais, educativos e de proteção do património energético nacional.

Pensado e criado pela EDP há cinco anos para promover o investimento cultural português, o MAAT recebeu mais de 85 exposições de mais de 200 artistas nacionais e 400 estrangeiros, que foram visitadas por 1,2 milhões de visitantes. A parceria com a Fundação de Serralves exponenciará este contributo da Fundação EDP e do MAAT para Lisboa e para o país. 

Gostou do artigo? Goste e partilhe!

Fundação EDP e Serralves num projeto internacional

bookmark_border

mais em Culture

Clube dos pequenos palcos em Lisboa

a redireccionar em 10 segundos